Inserido na cena da vanguarda musical contemporânea, Mihay vem despontando na cena da música independente, com trabalho que mostra imenso talento e compositor inovador. Música Brasileira, mesclada à elementos de vanguarda. Em 2013 lançou o álbum Respiramundo e em 2016, Gravador e Amor, que conta com parceria com João Donato, Rômulo Fróes, Tulipa Ruiz e Mariana Aydar.

O cantor e compositor MIHAY apresenta GRAVADOR E AMOR, seu segundo álbum. O artista lançou seu primeiro disco, RESPIRAMUNDO, em 2013, quando começou a se apresentar no circuito autoral de música no Rio e São Paulo, além de realizar turnê em Portugal, França, Holanda e Suíça, incluindo os festivais Brazil Sensacional (Paris); El Planet (Braga) e “Jam Session” (Montreux).

Em 2015, Mihay convida Gabriel Muzak para produzir seu segundo disco GRAVADOR E AMOR. Carioca que flerta com a cena paulista, o disco tem participações de Tulipa Ruiz, Luisa Maita, Rômulo Fróes e Mariana Aydar. Em uma das faixas, a participação é de João Donato, que também divide com Mihay a autoria da canção, intitulada “Noite Clara”.

Em 2016 o artista lançou GRAVADOR E AMOR e desde então tem sido apontado como uma das grandes revelações a emergir na cena musical independente. Ao longo deste ano, Mihay e sua banda passaram por importantes projetos e palcos, dentre eles o projeto A.Nota Oi Futuro (RJ); Festival EXPERIA 2016, dividindo o palco com Karina Bhur (Brasília); projeto Vem Ágora recebendo Lucas Santtana e Duda Brack (RJ); Festival Febre (Sorocaba); Casa de Francisca, com participação de Chico César (SP), Projeto Cambada e Três Tigres Famintos (RJ e BH), Dia da Música 2017 Festival EXPERIA 2017, recebendo Anelis Assumpção (RJ);

Artista multifacetado, no campo das Artes Visuais Mihay se destaca na criação de videoclipes, tendo feito a direção de arte de clipes de Mariana Aydar, Chico César, Lucas Vasconcelos, Elba Ramalho e Rômulo Fróes, além de criar seus próprios clipes, com destaque para “Nem Tudo”, onde Mihay canta com Luisa Maita e tem participação da atriz Karine Barros; “Papapapa”, com participação de vários artistas, incluindo Tulipa Ruiz e Monalisa Marchi e “Memória de Elefante”, dividindo os vocais com Mariana Aydar.

Com João Donato, Mihay excursionou pela Europa, e além de registrar a turnê, dividiram o palco na Rússia, Portugal, Suíça e França. Uma das faixas do álbum Gravador e Amor, Noite Clara, é uma parceria de Donato com Mihay.

Sua parceria com Mariana Aydar vem da direção do clipe duplo de “Samba Triste” e “Saiba Ficar Quieto”, faixas do disco Pedaços de Uma Asa, cujas fotos da capa e encarte também foram de autoria de Mihay. Ele também assinou o clipe de “Barulho Feio”, de Romulo Fróes, de onde nasceu a parceria com o paulistano; é amigo de Tulipa Ruiz de longa data e instantaneamente encantou-se com Luisa Maita quando subiram ao palco do Circo Voador juntos, para o show de comemoração dos 80 anos de João Donato.

No palco Mihay está sempre acompanhado de excelentes músicos, contando com Robson Riva na bateria, Guila no baixo e Juliano Buarque na guitarra e efeitos. Com trabalho autoral de alta qualidade, o artista mescla música brasileira à elementos de vanguarda.

Compartilhe

Fotos

Vídeos

WordPress Image Lightbox